5 diferentes tipos de mediação

Diferentes tipos de mediação
Diferentes tipos de mediação

>h2>Os diferentes tipos de mediação podem ser: Família, Trabalho, Civil, Bairro, Escola

Mediação é uma disciplina que, como o seu nome indica, nos serve para mediar soluções de conflitos em diferentes questões.

Estes podem ocorrer tanto em famílias como em situações de trabalho. Consiste num terceiro profissional neutro na área, que consegue que duas ou mais pessoas cheguem voluntariamente a um acordo pacífico através de várias sessões.

p>Existe uma variedade de especializações na mediação como:

Família:

Envolve um conflito familiar, pode ser entre: casais, filhos, pais, avós. O mais conhecido é dado dentro do divórcio que funciona para ajudar no processo de separação e evitar acabar com um processo judicial. É altamente recomendável ir à mediação especialmente quando estão envolvidas crianças, por isso procura-se resolver a forma mais pacífica de alcançar não só um resultado bem sucedido, mas também uma empatia e uma boa comunicação.

Escola:

Para obter um ambiente escolar saudável, e como uma campanha “anti-bullying” é formado um sistema onde participam estudantes, professores e/ou famílias. Um grupo de mediadores da rede está preparado para gerir o conflito.

Neighborhood:

Quando há um conflito entre a nossa área quotidiana pode causar fadiga e stress, pelo que o mediador serve como auxiliar do processo ajudando a resolver isto, restaurando o respeito.

Labor:

Com as empresas surgem diariamente conflitos onde a mediação serve como recurso para o departamento de Recursos Humanos, é muito notável como a mediação tem um impacto favorável no ambiente de trabalho, condições de trabalho, a opinião expressa sobre não conformidades, actualizações, etc. através de empregado – empregador.

Civis e Comerciais:

P>Apesar de assuntos civis tratar de contratos e obrigações civis tais como hipotecas, vendas e compras, arrendamentos, testamentos, entre outros; assuntos comerciais resolver conflitos entre empresas, empresários individuais, sócios, accionistas, joint-ventures, patentes e marcas, tais como uma discrepância na execução de um contrato, confusão na interpretação dos termos, um acordo para incumprimentos de pagamento, resultados inesperados.

Na mediação encontramos uma comunicação abrangente adequada, que através de um processo flexível, e voluntário, torna um conflito uma questão de empatia entre as pessoas envolvidas, pacificamente.

Profissionalmente é um recurso que dá um valor em cada sector para advogados, psicólogos, profissionais sociais, e mesmo pessoas interessadas neste tópico. Em Espostgrado oferecemos o curso de Mediação Familiar válido para o Registo de Mediadores do Ministério da Justiça. E especialização gratuita para os nossos estudantes em: Mediação Escolar, Dependência e Bairro Mediação Comunitária.

Para poder observar uma simulação de um caso real de mediação pode consultá-lo clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *